Anúncios


segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Correio Forense - Vereador indeniza cidadão por agressão verbal na Câmara - Direito Civil

17-12-2012 09:30

Vereador indeniza cidadão por agressão verbal na Câmara

“A manifestação do pensamento não é um direito absoluto e tem como limite lógico a fronteira dos direitos alheios, de modo que não pode ser praticada com excesso em detrimento dos direitos dos indivíduos.” Sob essa premissa, a 13ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) condenou o vereador O.G.B., da cidade de Buritizeiro (Norte de Minas), a pagar R$ 5 mil a um cidadão que agrediu verbalmente em discurso na Câmara.

 

Em 21 de setembro de 2010, na sessão da Câmara Municipal de Buritizeiro, o vereador O.G.B. fez um discurso em que ofendeu moralmente algumas pessoas. Depoimentos testemunhais comprovaram que ele as acusou de “ladrões”, “quadrilheiros” e “falsificadores de documentos”.

 

Um dos cidadãos citados no discurso ajuizou ação de indenização por danos morais contra o vereador, mas o juiz da Vara Cível da comarca de Pirapora negou o pedido.

 

Insatisfeito, ele recorreu ao TJMG pedindo que fosse revista a questão dos danos morais, já que o vereador usou a tribuna da Câmara para atacar sua honra e dignidade.

 

De acordo com o desembargador relator, Alberto Henrique, “o ordenamento jurídico não proíbe a exposição da verdade, no entanto, tal exposição deve pautar-se na razoabilidade e limitar-se ao bom senso”.

 

Segundo o desembargador, “dos depoimentos evidencia-se que todas as alegações foram intencionalmente direcionadas a atingir a honra do apelante, com ataques direcionados a desgastá-lo politicamente”. Dessa forma, ficou “evidente o abuso do direito”, concluiu.

 

Votaram de acordo com o magistrado os desembargadores Luiz Carlos Gomes da Mata e José de Carvalho Barbosa.

 

Assessoria de Comunicação Institucional - Ascom TJMG - Unidade Raja Gabaglia Tel.:  (31) 3299-4622 begin_of_the_skype_highlighting GRÁTIS (31) 3299-4622 end_of_the_skype_highlighting ascom.raja@tjmg.jus.br

Processo: 0006081-61.2011.8.13.0512

Fonte: TJMG


A Justiça do Direito Online


Correio Forense - Vereador indeniza cidadão por agressão verbal na Câmara - Direito Civil

 



 

 

 

 





Nenhum comentário:

Postar um comentário